"A única fronteira entre os povos é a língua".............."A ignorância afirma ou nega veementemnte; a ciência duvida"

quarta-feira, 24 de agosto de 2016

- "ALZHEIMER" pode atacar nas faixa dos 30"


A DEMÊNCIA PODE COMEÇAR NA FAIXA DOS 30. CONHEÇA OS 7 SINAIS DE ALERTA !

A demência é uma doença que usualmente atinge indivíduos acima dos 65 anos de idade. No entanto, o início dessa enfermidade pode começar muito antes, em pessoas que ainda estão na faixa dos 30 anos. Caso esteja nesta faixa etária ou conheça algum parente que também esteja é importante que você saiba dos sintomas iniciais, que em alguns casos são difíceis de serem diagnosticados, para que o tratamento necessário seja aplicado pouco a pouco. Quanto mais cedo a doença for descoberta, mais rápido será o tratamento, evitando, assim, o seu progresso. Veja no vídeo abaixo 7 sinais de demência, para que assim você fique em alerta e cuide da sua saúde e de pessoas queridas!

Aguarde o vídeo
video

sábado, 25 de junho de 2016

-" O Cu da Guarda "

Pormenor curioso da Sé Catedral da Cidade da Guarda

A Guarda, conhecida como a cidade mais alta de Portugal, conta com um pormenor escatológico com quatro centenas de anos que não está propriamente aos olhos de toda a gente – os nativos chamam-no de Cu da Guarda, e isto é para levar no sentido mais literal possível. O Cu da Guarda é uma gárgula esculpida numa esquina da Sé Catedral, obra negra e gótica que se encontra na parte alta da urbe (uma porção dela tida como uma judiaria), e trata-se, provavelmente, do maior orgulho das gentes guardenses.
Quem fez tal coisa, não se sabe. Mas a intenção parece ser óbvia: provocar Castela, visto o cu estar virado para Espanha. Este sentido parece ser o mais plausível, sobretudo se tivermos em conta que a Guarda não é a única povoação a querer desafiar os espanhóis com algum sentido de humor à mistura –  há mais cus em formas de gárgula em Portugal, sendo igualmente conhecido o de Caminha, também ele voltado para a fronteira.
Hoje, o Cu da Guarda funciona também como inspiração para artistas bracarenses. Só prova o quão importante ele é na construção da identidade desta guerreira cidade beirã.

                                                                                   FOTO
video


     
                                         

quinta-feira, 2 de junho de 2016

-" Quinta da Regaleira"- um mundo de beleza, sonho e fantasia

                                                                                                                                  FOTO

O PALÁCIO DA REGALEIRA é o edifício principal e o nome mais comum do palácio da Quinta da Regaleira. Também é designado Palácio do Monteiro dos Milhões, denominação esta associada à alcunha do seu primeiro proprietário, António Augusto de Carvalho Monteiro.
O palácio está situado na encosta da serra e a escassa distância do Centro Histórico de Sintra estando classificado como Imóvel de Interesse Público desde 2002.[1]
Carvalho Monteiro, pelo traço do arquitecto italiano Luigi Manini, dá à quinta de 4 hectares, o palácio, rodeado de luxuriantes jardins, lagos, grutas e construções enigmáticas, lugares estes que ocultam significados alquímicos, como os evocados pela Maçonaria, Templários e Rosa-cruz. Modela o espaço em traçados mistos, que evocam a arquitectura românica, gótica, renascentista e manuelina.
(Wikipedia)

VÍDEO

video


domingo, 22 de maio de 2016

-" O Museu Nacional dos Coches, em Lisboa "

FOTO


O "Museu dos Coches Reais", foi criado em 1905 pela raínha D.Amélia, esposa do rei D.Carlos I, reunindo um enorme espólio em viaturas do Séc.XVI ao Séc.XIX no Picadeiro Real do Palácio de Belém, em Lisboa. 
Com a implantação da República, o museu passou a ter a designação de "Museu Nacional dos Coches" e o seu espólio foi acrescentado com a chegada de um conjunto de coches e berlindas da extinta Casa Real, em Vlia Viçosa, como ainda com viaturas provenientes dos bens da igreja e de coleções particulares.
Reunindo uma coleção única no mundo de viaturas de gala e de passeio, apresenta um excelente conjunto que permite ao visitante a compreensão da evolução técnica e artística dos meios de transporte de tração animal, utilizados pelas cortes europeias até ao aparecimento do automóvel.                                                                                                                        
                                 «                    VÍDEO                                    »
video
 «                                                                                   » 
Imagens em destaque







 


quinta-feira, 19 de maio de 2016

-"Visita virtual ao Palácio das Necessidades, em Lisboa"

Foto


O palácio, que era um antigo convento, está hoje ocupado pelo Ministério dos Negócios Estrangeiros. Já foi residência da família real, desde o reinado de Maria I até ao do último rei, Manuel II; exceção feita a Luís I que preferiu o Palácio da Ajuda. 

Em cada imagem deste vídeo excecional existe uma explicação; e em muitas pode-se clicar e ver detalhes, ou fazê-las rodar …

Venham daí fazer uma visita virtual ao Palácio das Necessidades, em Lisboa




sábado, 14 de maio de 2016

-"Um Passeio pela Fabulosa Muralha da China "

A Muralha da China
adaptação de Arnaldo Norton
(ou A Grande Muralha), situa-se entre o Mar Amarelo (litoral nordeste da China), o deserto de Gobi e a Mongólia (noroeste da China). O seu comprimento será de 21.196 Km e a altura de 7 m. É formada por diversas muralhas construídas ao longo de quase dois milénios ( de 220 a.C ao 
século XV).
Estima-se que nela trabalharam cerca de um milhão de pessoas, entre camponeses, soldados e prisioneiros, dos quais 80% terão morrido durante a construção, devido ao frio e a má alimentação.
A Muralha da China foi só um "elefante branco", pois não foi construida para impedir a invasão dos mongóis (como erradamente durante séculos se disse) e de outros povos; todos os Imperadores a viram como um meio para ocupar militares e população inativa. Ao mesmo tempo, foi um aceitável meio de manter o exército longe de "A Cidade Proíbida".

video