domingo, 16 de agosto de 2009

-" Reflexões acerca dos Bilderberg

Quero agradecer ao camarada Osiris a gentileza que teve em corresponder ao meu apelo e em ter publicado uma tão exaustiva lista dos portugueses Bilderberg.
Do mesmo modo, quero agradecer a todos aqueles que, correspondendo ao meu apelo e demonstrando estarem tão indignados como eu, fizeram o favor de me enviar todo o tipo de informações.

Agora, parece-me ser o momento apropriado para fazermos uma reflexão sobre o assunto.

Existem, pelo menos, 41 portugueses que se sabe estarem ligados ao clube Bilderberg.
Todos eles têm posições na vida pública que lhes permite influenciarem a política portuguesa.
Na sua grande maioria, fazem ou já fizeram parte de Governos.
Alguns, pelo menos uma vez, já caíram em desgraça mas nunca ficaram a perder com isso; sempre lhes arranjaram colocações bem remuneradas.
É óbvio que o sistema do “pontapé-para-cima” continua a funcionar em lugar de se apurarem responsabilidades e fazer as pessoas pagar pelos seus erros.
E também me parece óbvio que o País é governado por essas 41 personalidades e mais algumas poucas que permutam os lugares entre si.

De quase todos temos conhecimento de serem pessoas de bem; no entanto, umas quantas dúvidas não podem deixar de nos surgir:
- será que todos eles terão coragem de contrariar as decisões do clube quando
elas forem prejudiciais a Portugal ?
- será que, nessa altura, o patriotismo e a integridade falarão mais alto do que o desejo de manter os seus cargos com as altas remunerações e as “mordomias” que conhecemos ?
- será que a meia-dúzia de “coisinhas” que fazem além dos cargos que ocupam
lhes foram oferecidas por acaso ?
- será que na base das opiniões que expressam publicamente está o interesse
nacional ou a obediência a “mais altos padrões” ?

Pois !... Foi devido a estas reflexões que a indignação se apoderou de mim e como reacção natural surge-me esta dúvida:

- será que podemos confiar o nosso futuro e o dos nossos filhos a gente enfeudada a interesses que não recuam perante nada para conseguirem os seus fins ?

A crise económica e financeira que estamos a atravessar é um bom exemplo disso.

Acho que está na altura de começarmos a pensar seriamente nestas coisas.


sexta-feira, 14 de agosto de 2009

-" Os portugueses do clube Bilderberg

O Engº Arnaldo Norton deve ter andado muito tempo pelo estrangeiro para ainda se admirar com estas manobras.
O pedido que faz no seu blogue
«http://rosadosventos1blogspot.com/», na sua publicação de 07 do corrente sobre o Clube Bilderberg, não é difícil de satisfazer, bastando para isso socorrermo-nos da edição de 02.01.2006 do jornal “O Semanário” para ficarmos a saber quem são os portugueses que fazem parte ou frequentam o Clube Bilderberg.
A lista é extensa mas muito interessante e ao utilizá-la não se corre o risco de represálias, o que, nos tempos que correm, não é muito difícil de admitir.
Além disso, a introdução que o seu autor faz é, deveras, esclarecedora.

Para evitar constrangimentos e por a lista ser extensa, não faço a sua transcrição mas convido os interessados a consultá-la no blogue OSIRISLUX

« http://osirislux.blogspot.com ».

Estou certos que alguns irão ter grandes surpresas e compreenderão melhor os acontecimentos das últimas décadas.


quinta-feira, 13 de agosto de 2009

- " O Clube Bilderberg ( II ) "

No primeiro texto que publiquei em 07 do corrente sobre este tema, posso ter deixado a impressão errada que me propusera a desmascarar as actividade e os propósitos deste clube de maníacos megalómanos.
Aquilo a que me decidi não foi isso, até porque qualquer leitor pode documentar-se na Wikipedia. Com facilidade podem saber a origem, a constituição, a identidade dos seus fundadores, as datas e locais das reuniões, e os objectivos que perseguem.

A minha indignação deveu-se, e deve-se, não ao facto de eu constatar a existência de mais um “grupo de pressão”, além dos muitos que já existem, mas, sim, por verificar que a censura continua a existir e que o tráfico de influências e a corrupção continuam a grassar impunemente.

Quem fosse à Wikipédia, há alguns meses atrás, encontraria um capítulo intitulado “ Os portugueses participante do Clube Bilderberg”; mas encontrariam somente o título porque a lista de nomes tinha sido apagada.
Porque será que eles tanto temem que se saiba que pertencem a este clube ?...

Actualmente, na Wikipédia, só encontramos referências à participação de Jorge Braga de Macedo, de Francisco Pinto Balsemão e de Durão Barroso.
Mas eu sei que há mais e procurarei identificá-los !
Para já, posso divulgar fotografias de dois políticos portugueses que foram publicadas no livro de Daniel Estulin, embora não possa garantir a sua autenticidade.

Entretanto, se algum dos meus leitores tiver elementos que queira publicar o meu blogue está, incondicionalmente e sem censura, à disposição.


sábado, 8 de agosto de 2009

-" Raúl Solnado "

Faleceu Raúl Solnado.

Portugal perdeu um grande comediante a quem ficamos a dever muitas e boas gargalhadas. Ficamos todos mais pobres.

Descansa em paz.

Uma despretensiosa homenagem:

" A Guerra de 1908 "

sexta-feira, 7 de agosto de 2009

-"O Clube Bilderberg"

Em 1995 e 1996 estive na Alemanha a fazer uma auditoria e, de entre os muitos documentos que me passaram pelas mãos, houve um que me despertou particularmente a atenção porque fazia referência a alguns políticos como sendo “Bilderberg”.
A minha curiosidade despertou e procurei saber o significado da designação. Fiz uma busca superficial e cheguei à conclusão que se tratava de um grupo de “paranóicos” inofensivos, convencidos que com o seu dinheiro poderiam comandar o Mundo que se reunia, anualmente, num fim-de-semana de confraternização.

A minha curiosidade voltou a ser despertada quando, em 2008, vi nas livrarias um livro com o título “ Toda a Verdade Sobre o CLUBE BILDERBERG “, da autoria do jornalista espanhol Daniel Estulin. Recordei-me, imediatamente, do documento que tinha lido em 1995 ou 1996.
Li o livro e fiquei entre indignado, estupefacto e céptico!...
Como é que uma coisa destas pode ser verdade ?...
Será que a relação entre alguns acontecimentos e os “Bilderberg” não passa de uma coincidência ?...

Algum tempo depois, em conversa com um colega tocamos no assunto e aconselhei-o a comprar o livro.
Qual não foi a minha surpresa quando ele, dias depois, me telefonou lamentando-se que o livro tinha sido retirado do mercado.
Não acreditei !... Tinha de haver um mal-entendido…
Procurei em várias livrarias e a resposta foi sempre a mesma: “ Não temos e não conseguimos encomendá-lo ! ? … Por muito que tentasse não conseguia outra resposta.
A minha curiosidade ficou ainda mais aguçada e recorri a um livreiro meu amigo que me confidenciou que a editora tinha mandado recolher o livro “a pedido” de uma entidade ligada ao Governo. Tinha recebido grande quantidade de encomendas que não pôde satisfazer, para seu desgosto, pois o livro estava a ser um sucesso com três edições no espaço de dois meses.
Caiu-me o céu em cima !...
Como é possível uma coisa destas num país que se diz democrático ? ; numa Europa que se diz democrática ?
No meio da minha indignação lembrei-me do que tinha lido no livro de Daniel Estulin. Será que tudo aquilo é verdade ?
Decidi, então, fazer a recolha da maior quantidade de elementos que pudesse encontrar e partilhá-los com os leitores do meu blogue, o que farei daqui em diante.

terça-feira, 4 de agosto de 2009

-"Caro Irmão Álvaro"..

saudações fraternais. Preza-me a esperança que me dá o amanhã, mas o hoje resumido no agora é desanimador.
Ainda bem que a Ordem à qual pertencemos está acima disto tudo, ainda bem,
caro irmão Álvaro! Ainda bem!
Mas viva Goiânia! E como vai o Ronilson, por falar em Goiânia?
E os irmãos todos, queridíssimos?
Minha companheira Clara vos faz par no ritual da Ordem das Filhas de
Alamirá, e isso também é muito bom.
Enfim, creio se aproximar a hora de um canto, sim um canto novo está na
hora de se ouvir!

É a hora!
...........................................................

(c0ntinuação em http://rosadosventos2.blogspot.com/ )